Chikago's Realm

O local que o velho Chikago coloca todas suas coisas

PBDT Ep 6 – Jogos de tabuleiro cooperativos

 

 

Olá gurizada que joga Boardgames e curte um RPG. Após um hiato, estamos de VOLTA! Oh yeah! E desta vez, falando sobre Jogos de Tabuleiro Cooperativos (e com traidores), e sem ter como não falar sobre, debatemos BattlestarGalactica!

Ouça sobre os tipos de Jogos cooperativos , como ser um bom traidor, além de conhecer os jogos mais legais desse ramo!
Bônus: Uma palpitada sobre o wrpgfest, Galapagos games, e os Malditos jogadores palpiteiros!

 

após perceber que no itunes não aparece link de dwl por que ele aponta pro mediafire, clique AQUI para ouvir direto!

Clique AQUI para baixar e ouvir no meio de uma discussão sobre quem é o Cylon na mesa, e ferre tudo pois aqui ainda nós reclamamos do final da série.

 

Timeline:
[11:16] Jogadores palpiteiros (ou: A bola é minha, portanto vocês têm que me obedecer)
[18:04] Os tipos de Boardgames Cooperativos
[22:20] A falta de Boardgames 1×1
[31:03] Como ser um bom traidor
[35:34] SPOILER: o final de BSG
[41:07] Pitadinha e Gloating sobre o WrpgFest
[44:20] Galápagos Games
Links:
Arkham Horror
Betrayal at house on the Hill
Battlestar Galactica
Shadows over Camelot
Ug-Tect
Dragon Heart (dá pra jogar online no Boardgame Arena!)
Maria
The Resistance E tem o Kickstarter do Resistance: Avalon rolando! Clique ==>Aqui! Dá pra levar os 2 jogos! 10 dias, galerinha!
Revolver

 

Siga-me no Twitter: @chikago666

Dúvidas, Sugestões e Puxadas de orelha? Mande-nos um e-1/2: chikago666 arroba gmail com o Assunto: PBDT. Poste nos comentários, também. (fica logo abaixo)
Participações: Chikago, Patrick e Japah
Tempo: 59 min, 40mb
Músicas: Bastion OST, que foram autorizadas (não oficialmente) por Greg Kasavin. Quem gostar da trilha (que é fantástica, assim como o jogo) pode comprar em  supergiantgames.bandcamp.com

Feed: http://feeds.feedburner.com/PorBaixoDoTabuleiro

Categories: PBDT

Written by chikago

Nascido em 22/04/77, amado e criado por seus pais, avacalhado e presenteado com ótimos amigos, Jogador e Mestre de Rpg, Formado em Administração: Comex, separado, trabalha como assistente de DP nas horas comerciais, podcaster, escritor, game designer e sei la mais o que nas horas vagas e pai de um garoto maravilhoso.

13 Responses so far.

  1. R. Baldo disse:

    Fala pessoal,

    As jogatinas em casa são espaçadas e os jogadores variam muito, mas o Forbidden Island é um ótimo gateway para novatos.

    Existe a barreira da língua inglesa, mas como é cooperativo uma pessoa com conhecimento pode orientar qualquer dúvida.

    Ainda estou para testar vários dos quais vocês citaram (falta player…), mas confesso que prefiro os cooperativos do que os jogos de disputa. O clima fica melhor e todos ficam mais felizes (se não perdermos para o tabuleiro, claro 🙂

    • chikago disse:

      Mas acho que até perder para o tabuleiro é legal. Como falei no cast, é divertido ver o hype depois da derrota “Na próxima venceremos!!!”

      • Marcelo Dior disse:

        Forbidden Island tem uma mecânica muito semelhante a Pandemic. Pessoalmente, meu problema com Pandemic não tem nada a ver com o jogo: peguei tanto asco de War (Risk) que não consigo jogar nenhum jogo cujo tabuleiro exiba um mapa-mundi. Twilight Struggle, por exemplo, eu nunca vou jogar…

  2. Mírian disse:

    Oi Chikago.

    Tudo bem?

    Estava procurando quem curte jogos de tabuleiro e tenho uma

    perguntinha..:D

    Você joga “Board Games”, se reúnem com amigos ou jogam só games no PC?

    • chikago disse:

      Olá Mirian. Eu, na minha fortaleza da solidão (a.k.a. – Dourados – MS) jogo Boardgames com meus amigos daqui (quando consigo arrastar eles), jogo quando vou pro RS e me encontro com o Patrick e o Japah (que jogam direto, lá tem mais pessoas que se reúnem), e também volta e meia jogamos online, quando não tem nada pra fazer de noite.

      Assim, a resposta é sim para as duas perguntas: Nos reunimos, como todo bom jogo deve ser, regado a coca-cola e salgadinhos, e também jogamos online.

      Mas eu prefiro sempre jogar ao vivo, com uma mesa cercada de amigos, jogando conversa fora e dando risada.

  3. Marcelo Dior disse:

    Star Trek The Next Generation Deck Building Game da Bandai tem modos de jogo de time. A Premiere Edition tem o cenário Klingon Civil War, 2 x 2 jogadores. Já a Second Phase edition, que saiu um ano depois, tem o cenário Romulan Unification, que permite a participação de até nove jogadores, não importa quantos para cada lado (o jogo tem uma mecânica muito elegante que equilibra os dois lados).

    • chikago disse:

      Eu fico até triste em dizer, mas sou um NOOB em Star Trek. Mas valeu pelas dicas, vou dar uma olhada nos sistemas

      • Marcelo Dior disse:

        Não precisa saber nada sobre Jornada para jogar os jogos. Todos os meus amigos que jogam adoram esse jogo, e eles são do nível “esse cara não é o Dr. Spock da Millennium Falcon?”

        • chikago disse:

          Eu tive uma convulsão aqui…
          e um amigo meu acabou de dizer “Star Wars e Star trek é tudo igual!”
          E eu tive OUTRA convulsão…

  4. Mateus disse:

    Um jogo time contra time poderia ser Last Night on Earth, time dos zumbis e dos sobreviventes.